Coronavírus em SC
Pessoas entre 30 e 39 anos respondem por 25% dos casos
Os idosos, público mais vulnerável à Covid-19, representam 25,5% dos casos até o momento
por Secom / Governo de SC 01/04/2020 às 08:17

A faixa etária de pessoas entre 30 e 39 anos tem o maior número de casos confirmados de Covid-19 em Santa Catarina, com 25,1% do total. O dado faz parte de um perfil epidemiológico dos infectados montado pela Secretaria de Estado da Saúde e divulgado pelo governador Carlos Moisés nesta terça-feira, 31. Neste boletim o total de casos em SC chegou a 235, com 22 deles em leitos de UTI.

Os idosos, público mais vulnerável à Covid-19, representam 25,5% dos casos até o momento. Dentro desse grupo, os pacientes de 60 a 69 anos respondem por 17,8%, enquanto os de 70 a 79 anos, 4,6%. Pessoas com mais de 80 anos representam menos de 3% dos casos.

Jovens entre 20 e 29 representam 14,4% dos casos em Santa Catarina. A faixa etária entre 40 e 49 casos responde por 17%, enquanto aqueles entre 50 e 59 anos são 16,1%. Há ainda dois casos de pessoas infectadas com idades entre 10 e 19 anos, o que representa menos de 1% do total.

No quesito gênero, os infectados estão divididos em 118 (50,2%) homens e 117 (49,8%) mulheres.

Veja o total de casos por faixa etária:

10 a 19 anos - 2 casos (0,8%)

20 a 29 anos - 34 casos (14,4%)

30 a 39 anos - 59 casos (25,1%)

40 a 49 anos - 40 casos (17%)

50 a 59 anos - 38 casos (16,1%)

60 a 69 anos - 42 casos (17,8%)

70 a 79 anos - 11 casos (4,6%)

80 a 89 anos - 7 casos (2,9%)

Sem informação - 2 casos (0,8%)

Internados em UTI são de idades diversas

Segundo o boletim divulgado pelo governador em coletiva de imprensa, são 22 pacientes com Covid-19 internados em leitos de UTI. Destes, nove estão na rede pública e outros 13 estão em hospitais privados.

O mais jovem internado em terapia intensiva tem 32 anos, enquanto o mais velho tem 83 anos. A maior parte dos pacientes em UTI possui entre 50 e 69 anos.

“Não existe uma faixa etária exclusiva de pessoas que demandam tratamento em leitos de UTI. Temos casos de pessoas com 32 anos necessitando desse tipo de auxílio. Diante de tudo isso, a recomendação do Governo do Estado é que todos permaneçam em casa, para evitar que um maior número de pessoas se contamine em um curto período de tempo”, disse o governador.

>>>Tire suas dúvidas sobre as medidas restritivas e as ações de combate e prevenção à Covid-19

O secretário de Estado da Saúde, Helton de Souza Zeferino, reforça que o vírus pode atingir pessoas de todas as idades. Segundo ele, mesmo aquelas sem histórico de doenças crônicas, estão suscetíveis. “Ninguém está imune à Covid-19. Quando o crescimento começa a acontecer, ele é muito agudo e o que ocorre é a fala de capacidade operacional no sistema de saúde. Hoje são pouco mais de 230 pacientes, mas daqui um tempo poderemos estar questionando quais famílias não tiveram nenhum caso registrado”, afirmou o secretário.

Assuntos: Saúde
Envie seu comentário sobre esta notícia
Seu nome
Seu telefone
Seu bairro
Sua cidade
Escreva sua mensagem pressione shift + enter para adicionar linha
Todos os campos são obrigatórios
Recomendados